#ondas perfeitas #comportamento 
Canadá

Onda Canadense com Quase 30 km de Extensão é Novo Recorde Mundial

Marvin Green - The Inertia

Na quarta-feira 24 de julho dois surfistas californianos surfaram uma onda de pororoca no rio Petitcodiac, em New Brunswick por 29 quilômetros.

JJ Wessels e Colin Whitbread foram a cidade de Moncton para pular sobre a "super pororoca", em Moncton, New Brunswick, na costa sudeste do Canadá, logo acima do Maine.

As histórias iniciais louvaram as realizações dos surfistas e falaram dos esforços da cidade para trabalhar com os surfistas, a fim de utilizar a pororoca para fins de turismo. Embora, teoricamente, devido a grande quantidade de atenção que a façanha recorde recebeu, juntamente com a tendência dos surfistas espalharem a novidade sobre um novo pico como um incêndio, fez com que os funcionários da prefeitura de Moncton emitissem declarações de cautela.

"Ainda não é um rio de lazer totalmente acessível. Tem o potencial para se tornar um. É por isso que estamos tão entusiasmados com o que aconteceu na semana passada ", afirmou o diretor municipal de Turismo e Cultura, Ben Champoux.

"Nós incentivamos as pessoas a serem muito, muito, muito cuidadosos sobre como acessar o rio. Nós incentivamos as pessoas agora a vir ver o rio, ver a pororoca".

Existem vários perigos de se surfar uma pororoca, como correntes irregulares, rochas perigosas e água suja. Os californianos só foram capazes de surfar o Petitcodiac depois que a Comissão de Esgoto de Moncton confirmar que iria reduzir a quantidade de água tratada despejada no rio.

Embora não seja provável que Moncton se torne o próximo pico da moda, isso mostra a propensão que nós surfistas temos de ir atrás de uma novidade. Nem sempre é uma coisa ruim, mas poderia dificultar a diversão dos outros. Nós tendemos a ver a próxima "grande coisa" e queremos nos tornar uma parte dela. Talvez seja o nosso sentimento profundamente enraizado de comunidade ou o nosso amor para compartilhar? Quem sabe. Uma coisa é certa, porém: Moncton está brincando com fogo quando eles convidam a comunidade do surf para a cidade. Podemos ser um bando barulhento, sempre pronto para um bom divertimento.

Traduzido da reportagem original do The Inertia

Links Relacionados:

reportagem The Inertia

Comentários

Galerias | Mais Galerias