#wct #competições #surf #treinamento 
Austrália

Owen Wright retira-se do WCT durante o resto do ano

ONFIRE Surf

Pior que a lesão de Tiago Pires este ano só mesmo a de Owen Wright que, desde a segunda etapa do WCT, tem estado fora da grande arena do surf mundial

Apesar do seu nome ter aparecido nos heats do Hurley Pro Trestles, sétima etapa do WCT e que começou Domingo dia 15, Wright acabou por desistir de competir pois ainda não está recuperado da lesão que contraiu no início do ano. Hoje, Wright confirmou mesmo à ASP que não irá competir mais até ao final do ano.

Foi durante o Rip Curl Pro em Bells Beach que este australiano - que em 2011 mostrou ao mundo ser um dos poucos que é capaz de entrar na mente e vencer o 11x campeão do mundo, Kelly Slater -, contraiu uma grave lesão nas costas numa bateria contra Dusty Payne. Ao voltar de um floater, Wright caiu em uma estranha posição o que lhe provocou uma forte dor na perna. Apesar de ter ficado o resto da bateria dentro de água, Wright praticamente não conseguiu surfar. Quando saiu da água as dores que tinha eram insuportáveis, acabando por precisar de ajuda da sua namorada.

Desde então que Wright tem estado fora de água em recuperação e, tal como podes ler nesta entrevista que deu à ASP, o australiano conta que durante os primeiros meses não chegou muito longe na sua recuperação, tendo dores constantemente ao andar, e mesmo sentado ou deitado. Depois de fazer mais exames, Wright descobriu que a lesão era mais grave do que pensava, e foi aí que, ao fim de três meses, começou realmente a tratar da lesão da forma correta.

Um pouco como aconteceu com Tiago Pires, Wright pensava que conseguiria entrar na etapa de Fiji, depois no Tahiti e, até há poucos dias, em Trestles. Aconselhado pelos seus médicos a não competir mais durante este ano e a focar-se em estar 100% recuperado para voltar em forma em 2014, é então oficial que não veremos mais Owen Wright no WCT deste ano.

Agora, tal como com Tiago Pires, a hipótese de entrar diretamente para o WCT em 2014 será cedido um injury wildcard. Por norma são atribuídos dois, e neste momento Wright e Pires são os dois surfistas mais prejudicados devido às suas lesões. Até ao fim do ano a ASP irá pronunciar-se quanto aos surfistas que receberão estes dois convidados.

Comentários

Galerias | Mais Galerias