#pranchas #equipamentos #surf 
Brasil

Quando Devo Trocar De Prancha?

Luís Coruja - Prancha Nova

Você sabe quanto tempo dura uma prancha de surf?

Você já se perguntou "quando devo trocar de prancha"? Como saber a hora certa para trocar de equipamento? Nesse artigo você encontra todas as informações necessárias para saber exatamente quando renovar seu quiver.

Quando olhamos para uma prancha nova ficamos encantados com seu brilho e sua brancura. Seja ela PU ou EPS, o padrão é que a prancha saia da fábrica brilhando como um espelho. No entanto, com o passar do tempo, depois de muito surf e exposição ao sol, a prancha vai ganhando um aspecto mais amarelado, e quanto mais o tempo passa, mais amarelada ela fica.

Sem dúvida, o grande culpado disso é o sol. Assim como ele faz com a nossa pele, também faz com nossas pranchas. Aliás, os materiais usados na fabricação das pranchas são sensíveis à luz solar e acabam sofrendo uma reação química que resulta nesse escurecimento.

Visual

Prancha usada

Quando falamos em prancha amarelada, escurecida, você pode pensar que isso é apenas é algo estético, correto? Não necessariamente. Apesar do aspecto visual da prancha ser algo que não é diretamente ligado à performance dela nas ondas, é certo que uma prancha muito amarelada já tem longo tempo de uso, ou seja, muitos quilômetros rodados.

É inevitável que essas pranchas contenham alguns consertos naqueles inevitáveis "malhos" ou "tecos" que elas sofrem no decorrer da vida. Em consequência disso, a prancha ganha mais alguns gramas em peso e também “cicatrizes”. Aí você pode pensar: “poxa, mas isso é o de menos né”. Sim, realmente isso é o de menos, até porque podemos pintar a prancha para esconder estas marcas.

Aliás, e se a prancha sair da fábrica toda pintada e colorida ela nunca ficará amarelada. Bem, dessa forma então esta prancha permanecerá nova para sempre? De maneira alguma, e vamos explicar o por quê disso na sequência.

Durabilidade x Funcionalidade

Trocar de prancha

É muito importante sabermos separar a durabilidade da funcionalidade de uma prancha. O tempo de durabilidade de uma prancha de surf não é o mesmo do quanto ela realmente funciona bem. Uma prancha de boa qualidade, feita com matéria-prima e mão-de-obra de primeira, irá durar bastante tempo. Aliás, esse tempo pode ser ainda maior se o surfista mantiver a manutenção e cuidados frequentes com sua prancha. Certamente isso poderá entregar uma vida ainda mais longa, mas é nesse momento que devemos saber separar muito bem a durabilidade da funcionalidade das pranchas.

Uma prancha pode até estar linda, leve e sem nenhum malho aberto, mas dependendo do seu tempo de uso, é fato que ela já não funciona mais como antigamente. As pranchas de surf perdem suas características originais com o tempo, se tornam menos rígidas, menos responsivas. Isso acontece por conta de um desgaste natural dos materiais utilizados na fabricação, principalmente as longarinas, que são naturais, feitas de madeira.

Normalmente, surfistas de alto desempenho conseguem perceber e sentir isso debaixo dos pés com muita facilidade. Eles têm bastante sensibilidade com suas pranchas e as utilizam com extrema habilidade. Como dizia o ex-top da elite mundial Peterson Rosa, que usava as pranchas da Canfield, “preciso trocar de prancha, essa aqui empenou a longarina”. Peterson dizia isso com conhecimento de causa de quem usava mais de 30 pranchas por ano. Quando alguma prancha já não respondia mais, já não oferecia a mesma a performance que deveria, ela era trocada imediatamente.

Dê Preferência Para Pranchas Novas

E para os surfistas iniciantes, será que para eles uma prancha nova também será melhor que uma prancha usada? A resposta é sim. Uma prancha nova sempre será melhor que uma usada, independentemente do seu nível de habilidade ou da sua fase no surf. Assim como um surfista profissional precisa de um equipamento em excelente estado, um surfista iniciante também. Podemos dizer que aquele que não tem tanta habilidade precisa ainda mais da ajuda de uma boa prancha, exatamente por ainda não ter recursos suficientes para suprir a deficiência de um equipamento ruim.

Em suma, o surfista iniciante precisa de uma boa prancha, uma que tenha sua construção ainda intacta, que funcione exatamente da forma como ela foi pensada pelo shaper quando a desenvolveu. Esta prancha deve estar com a flutuação e a estabilidade sólidas, ela precisa ser capaz de responder aos comandos do surfista de forma fiel, para que este possa evoluir seu surf. Todavia, chegará um dia em que esta mesma prancha já não irá mais oferecer o necessário. Com o tempo ela irá perder sua flexibilidade e sua responsividade. Portanto, é muito importante que o surfista consiga perceber que aquele equipamento já não o serve mais.

Mas como perceber isso, como saber quanto efetivamente dura uma prancha de surf? Há algumas formas, por exemplo quando você sente que parou de evoluir ou que já não surfa mais tão bem com aquela prancha, que está regredindo. Você sente que ela não flutua da mesma forma que antes, está mais lenta, mais difícil de manobrar, que sua vontade surfar com ela já não é mais a mesma.

Quanto Tempo Dura Uma Prancha

Muita gente nos pergunta quanto dura uma prancha e se existe um tempo exato para trocá-la. Pois isso é muito relativo, diríamos que não. Sem dúvida este tempo não deve ser maior que um ano, se você usa bastante aquela prancha do dia a dia. Provavelmente você irá sentir que perto dos oito a dez meses aquela paixão acaba, a relação esfria. De repente você começa a ter vontade de trocar de prancha, começa a não ter mais tanta alegria no surf e chega até a sair meio frustrado do mar. E sabe por que isso acontece? Porque uma prancha usada nunca vai te entregar o que uma prancha nova entrega.

Se isso acontecer duas ou três vezes em sequência, tome uma atitude e troque de prancha. Certamente esta é a melhor solução para você voltar a ter satisfação no surf. Além da motivação de estar com uma prancha nova para chamar de sua, você sentirá uma grande diferença no seu surf, independentemente do momento em que se encontra sua curva de aprendizado e evolução.

Por fim, sempre dizemos aqui que é de suma importância saber escolher o modelo certo para a sua realidade. Por isso, procure os melhores profissionais de pranchas do Brasil para que você possa tirar suas dúvidas e ser direcionado para as melhores pranchas do mercado.

Comentários

Galerias | Mais Galerias